30 de março de 2017

Paixão


Da última vez eu jurei abstinência absoluta pro resto da minha vida. Quis não querer mais saber de ninguém exceto família e amigos. Isso de sentimentos nunca retribuídos, de expectativas, decepções, um desejo que raramente, raríssimamente, chegava a se concretizar em um relacionamento, um jogo que eu perco sem nem sair da primeira fase... Eu quis não querer mais mas... Aí ele aparece. Alto, olhos azuis, lindo; parece um príncipe. E eu sei que você vai me advertir que no começo todos parecem príncipes, mas a minha vontade agora, o meu fogo, é descobrir o quanto esse cara é diferente de todos os outros caras do universo, e sinto que não vou me decepcionar. Poupe os seus conselhos: Vou mergulhar de cabeça de novo, e não me importo com as consequências.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...